Quem Somos

Integrada à estrutura de organização da Central Única dos Trabalhadores por ramos de atividade econômica, a CNQ-CUT tem origem no sindicalismo combativo que sempre defendeu a liberdade e a autonomia sindical. A fundação da Central Única dos Trabalhadores, em agosto de 1983, impulsionou a criação do Departamento Nacional dos Químicos da CUT que se transforma na Confederação Nacional do Ramo Químico em congresso da categoria realizado em 1992.

A CNQ-CUT tem 81 entidades filiadas, destas 77 são sindicatos e quatro federações: Fetquim (Federação dos Trabalhadores do Ramo Químico da CUT do Estado de São Paulo), Fetraquim-RJ (Federação dos Trabalhadores nas Indústrias Químicas e Farmacêuticas do Estado do Rio de Janeiro), FITEM (Federação Nacional dos Trabalhadores em Extração Mineral do Brasil) e FUP (Federação Única dos Petroleiros).

O número de trabalhadores e trabalhadoras na base da CNQ: 460 mil.

O Ramo Químico

A CNQ-CUT atua num ramo estratégico da economia nacional. O ramo químico representa 31,% do valor bruto da produção industrial (PIA-IBGE, 2013) e conta com cerca de 1,3 milhão de trabalhadores e trabalhadoras (MTE-RAIS,2014).

Os setores que compõem o ramo químico são:

  • Adubos, fertilizantes e defensivos agrícolas;
  • Borracha e artefatos;
  • Farmacêuticos;
  • Higiene pessoal, perfumaria e cosméticos;
  • Minérios;
  • Papel, papelão, artefatos e celulose;
  • Petróleo, petroquímico, químico;
  • Sabões, detergentes e produtos de limpeza;
  • Tintas, esmaltes e vernizes;
  • Transformados plásticos;
  • Vidros e cerâmica.

Ações Sindicais Unificadas

A CNQ-CUT mantém políticas permanentes de atuação com o objetivo de ampliar a representação sindical no ramo químico em âmbito nacional, com destaque para as seguintes bandeiras de luta: 

  • Avançar rumo a hegemonia CUTista no ramo químico.
  • Combater a terceirização e a precarização das relações de trabalho.
  • Orientar as campanhas reivindicatórias dos ramos, rumo aos acordos coletivos nacionais.
  • Fortalecer a política de Redes de trabalhadores.
  • Incentivar a Organização nos Locais de Trabalho (OLT).
  • Implementar e orientar ações de formação sindical e política junto aos sindicatos do ramo.
  • Fortalecer a solidariedade de classe, o intercâmbio e a troca de informações com os organismos internacionais.
  • Fortalecer as políticas em defesa da saúde, das condições de trabalho e do meio ambiente.
  • Incentivar e apoiar a criação de oposições sindicais, com o objetivo de resgatar os sindicatos para as mãos dos/as trabalhadores/as.
  • Apoiar e realizar ações de fortalecimento nas áreas de gênero, de raça e juventude.
  • Fortalecer as secretarias regionais e setoriais, como instrumentos de real representação e aproximação da CNQ-CUT com os/as trabalhadores/as.

 

Confederação Nacional do Ramo Químico da CUT

Rua Major Diogo, 634 - 1º andar

CEP 01324-000 - Bela Vista - São Paulo - SP 

Tels.:  55 11 3129-4989  e  55 11 3235-4989

www.cnq.org.br